Como funcionam as políticas de cancelamento de viagens

Como viajar por uma semana inteira com uma única mala de mão

Hoje em dia, muitas pessoas reservam as férias com antecedência, levando em consideração fatores como o conhecimento prévio das datas, ofertas especiais e descontos, etc. Desta forma, quanto mais cedo as férias são preparadas e reservadas, o preço é reduzido consideravelmente.

No entanto, reservar férias com bastante antecedência acarreta certos riscos. Pode ser que problemas pessoais ou de saúde nos impeçam de embarcar na viagem na data programada ou que ocorram condições climáticas adversas que cancelem nosso voo ou que haja instabilidade política nos locais de destino. É por isso que é importante saber como funcionam as políticas de cancelamento de viagens.

Como cancelar a viagem

Os direitos dos consumidores variam consoante seja o próprio viajante quem cancela as férias ou se é a empresa em que a viagem foi contratada que decidiu cancelá-la. Em qualquer um dos dois cenários, deve ser notificado por escrito e formalmente.

Caso tenha contratado a viagem através de agência de viagens e o cancelamento ocorra por motivo de força maior, Como cliente, você deve saber que tem o direito de receber uma viagem substituta equivalente ou um reembolso do valor pago, além de uma indenização.

Da mesma forma, além do cancelamento da viagem, esta não pode ter sido realizada conforme anunciado na publicidade e nas condições do contrato ou conforme acordado. Nestes casos, é imprescindível guardar toda a documentação, contratos e brochuras que informam sobre as condições para a reclamação no momento oportuno.

Mulher viajando de avião

Se foi você quem contratou diretamente a viagem deve levar em consideração os seguintes aspectos:

Como cancelar a reserva do hotel

No cancelamento de nossa reserva de hotel é importante estarmos previamente informados sobre as especificações e condições de cancelamento de cada hotel, pois podem variar nacionalmente e fora de nossas fronteiras.

Ao cancelar a reserva do hotel, dois fatores devem ser levados em consideração: o aviso prévio e o depósito. Em primeiro lugar, dependendo do tempo com que se notifica o cancelamento, o resultado será diferente: há hotéis em que a reserva pode ser cancelada dentro de 24 horas com apenas uma chamada, mas não em todos os casos.

Em relação ao depósito, geralmente, se o cancelamento for avisado 15 dias antes, o valor total será devolvido ao cliente junto com o depósito. Após esse período, o valor devolvido varia de acordo com os dias em que é notificado. Poderá ser cobrado o valor total da primeira noite caso o cliente não avise, não compareça ou faltem apenas 24 horas do período de entrada no hotel. Se em nenhum momento o cancelamento for notificado, o estabelecimento poderá cobrar o valor total de todos os dias de hospedagem contratados.

Resumindo, se você tiver que cancelar uma reserva, evite esperar até o último minuto. Quanto antes melhor.

Viaje como voluntário

Como cancelar passagens aéreas

Como no caso anterior, o cancelamento de passagens aéreas depende se a companhia aérea é a que cancela o voo (caso em que deve indenizar os clientes se a causa não se justificar) ou é o cliente.

Caso seja o cliente que deseja cancelar a passagem, os regulamentos variam de acordo com as companhias aéreas. Normalmente, se faltarem apenas 48 horas para a saída do voo e o cliente desejar cancelar, haverá uma penalidade e não reembolsará o valor total do que pagou pelos bilhetes.

Da mesma forma, a propriedade dos bilhetes pode ser alterada ou a data e hora dos bilhetes podem ser alterados, mas você também pode sofrer penalidades e alguns custos dependendo da companhia aérea com a qual você viaja. A responsabilidade e obrigações da companhia aérea dependem da tarifa da passagem adquirida, portanto O mais aconselhável é comprar uma passagem aérea que tenha flexibilidade para poder fazer alterações posteriores mesmo que o preço seja um pouco mais alto. Merece a pena.

Os cancelamentos podem se tornar um grande incômodo para os viajantes que tiveram que processar qualquer um deles. Para evitar situações desagradáveis ​​e estressantes, antes da contratação devemos ter clareza sobre o que aconteceria caso tenhamos que cancelar a viagem. Verifique sempre as condições propostas por companhias aéreas, hotéis, agências, etc.

Você quer reservar um guia?

O conteúdo do artigo segue nossos princípios de ética editorial. Para relatar um erro, clique Clique aqui.

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*