Como viajar com um animal de estimação, detalhes e informações

Viajar de carro

Mais e mais pessoas estão escolhendo viajar com animal de estimação quando vai a algum lugar, e é por isso que você tem que saber todos os detalhes disso. Os animais de estimação não podem viajar livremente como nós, mas existem regras a esse respeito, e também temos o problema do alojamento, uma vez que nem todos os hotéis os permitem.

Viajar com seu animal de estimação é questão de planejamento, pois será necessário consultar com antecedência as normas de transporte e também os locais onde podemos acessá-las. Assim como nós, eles devem ter toda a sua documentação, neste caso feita pelo veterinário, em ordem. Portanto, tome nota de todos os pequenos detalhes para poder viajar sem problemas com o animal.

Documentação do cão ou gato

Viajar com o animal de estimação

Para que um cachorro possa viajar deve ser documentado como pessoas. Agora existem microchips, com os quais o animal é identificado. É um chip que é inserido na pele e, quando o leitor o passa, aparece um número. O sistema é mantido separadamente em cada comunidade, então se for perdido em outro lugar, eles devem ligar para a comunidade de origem para localizar os proprietários e seus dados.

Adição microchip, cães e gatos manterão seus cartões atualizados. Ou seja, com todas as vacinas necessárias que já tomaram. Com isso garantimos que os cães possam passar em qualquer controle sanitário que seja feito. Se vamos mudar de país, devemos ter em mente que em muitos deles eles mantêm o cachorro em quarentena, então pode não ser uma boa idéia levá-lo, a menos que vamos morar no exterior. Dentro da Comunidade Européia, só temos que carregar essas identificações para que tudo esteja em ordem. E se for um cão PPP, devemos levar os dados da licença e do seguro.

Regras no transporte

Cachorro no carro

Se entrarmos nosso próprio carro também teremos regras a cumprir. O cão deve ser carregado na guia para que não alcance a frente. Isso pode ir no banco de trás ou no porta-malas, e o ideal é colocar uma grelha ou uma separação para o pet, para evitar problemas. Os aspectos práticos nos dizem que o melhor é cobrir a área com plástico, que já é vendido para transportar os cães no carro. Por outro lado, é necessário fazer várias paradas para que o cão possa beber e se aliviar. As mesmas pausas de que precisamos.

Cachorro no avião

Viajar de avião É mais complicado, pois o animal pode ir na cabine ou no porão, mediante solicitação no escritório de reservas. Na adega devemos transportar o contentor de transporte, embora algumas empresas o possuam. Por outro lado, somente cães com peso inferior a oito quilos podem viajar na cabine em geral, com o peso da transportadora incluída, da qual não poderão sair durante toda a viagem. Como dizemos, cabe a cada empresa estabelecer limitações, por isso devemos ler as suas condições antes de retirar os bilhetes.

Cachorro no metrô

Se estamos a falar transporte públicoÉ preciso dizer que as regras vão mudando aos poucos. Em algumas cidades, eles já permitem que os cães viajem no metrô e nos ônibus urbanos. Noutros é possível transportá-los mas numa mala ou transportadora, e noutros é simplesmente proibido. Dependerá de onde formos, portanto antes de encontrarmos informações sobre a política de transporte urbano saibamos como se locomover pela cidade com nosso animal de estimação.

Acomodação para animais de estimação

viajando com cães-acomodação

Chegamos ao problema da acomodação de animais de estimação. Você deve ter notado que existem muitos hotéis que permitem animais de estimação, mas a verdade é que se lermos as letras miúdas perceberemos que em muitas delas limitam o peso do animal, por vezes até cinco quilos, pelo que a grande maioria dos cães e mesmo alguns gatos não entrariam nesses hotéis. Além disso, você deve verificar se eles podem ficar no quarto conosco ou se é uma área comum onde eles os tenham, e se eles podem ficar nas áreas comuns. É imprescindível ler todas as letras miúdas para não nos surpreendermos quando chegarmos.

Na maioria dos hotéis, eles precisam disso deixe-nos avisar com antecedência que carregamos animais de estimação. Porém, são poucos os em que existe uma cultura de abrigar animais com conforto para eles. Hoje em dia existem alguns hotéis que até têm creche para cães, onde os cuidam e podem divertir-se com outros animais de estimação enquanto observamos os arredores. Hotéis deste tipo são sempre a melhor opção para viajar com animais de estimação, visto que oferecem excelentes serviços para cães e gatos, para que também eles possam se divertir nas férias.

Você quer reservar um guia?

O conteúdo do artigo segue nossos princípios de ética editorial. Para relatar um erro, clique Clique aqui.

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*